Eficiência Hídrica em Edifícios e Espaços Públicos…

… O Caminho para a Gestão Sustentável da Água!!!

Posts Tagged ‘poupar’

Frase da Semana

Posted by eficienciahidrica em 2011/10/17

“Água devemos poupar para sempre a podermos usar.”

Fonte: http://energiaebjosesaraiva.blogs.sapo.pt/6780.html

Anúncios

Posted in Frase da Semana | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Gota-a-gota enche o mealheiro…

Posted by eficienciahidrica em 2011/10/06

Posted in Cartoon da Semana | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

É uma alegria… Poupar Água!!! :)

Posted by eficienciahidrica em 2010/10/13

Posted in Vídeos | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Sonae Reduz em 1,6% o Consumo relativo de Água – Medidas de eco-eficiência reforçadas no Dia Nacional da Água

Posted by eficienciahidrica em 2010/10/01

A Sonae reduziu o consumo de água durante o ano 2009, como resultado das medidas de eco-eficiência adoptadas nas suas diversas áreas de negócio. Em termos globais, o consumo de água por volume de negócios diminuiu 1,6% em 2009 quando comparado com 2008, para 402 m3 por milhão de euros. Este feito foi acompanhado de uma redução de 3,2% da produção de resíduos face ao ano anterior, para 19 toneladas por milhão de euros.

No retalho alimentar, a redução no consumo absoluto de água atingiu 13,8% em 2009 no universo de lojas comparável, registando-se um consumo total de água potável de 797.011 m3. No último ano, foram implementadas uma série de medidas de eficiência no consumo de água que permitiram atingir estes resultados, tais como: a instalação de contadores parciais em várias áreas permitindo um maior controlo, bem como a instalação de fluxómetros em todas as torneiras, redutores de caudal em vários pontos e ponteiras em todas as mangueiras. Na área de Peixaria foi realizada a instalação de grelhas perfuradas para diminuir entupimentos; a produção de gelo foi adequada ao dia da semana e beneficiou da instalação de electroválvula com temporizador para derreter o gelo. A Sonae procedeu também à alteração do método de lavagem do buffer de frescos, aumentando a eficiência da operação, e efectuou uma sensibilização aos funcionários, nas reuniões diárias.

Na Sonae Sierra, graças às medidas de eco-eficiência adoptadas ao longo dos últimos sete anos, foi possível evitar custos no valor de cerca de 376.500 euros e poupar 151 milhões de litros de água em 2009. Aliás, o consumo de águas pluviais e reutilizadas quase duplicou, passando de 3,6% para 5,8% do total.

Na Sonaecom a água utilizada provém de duas fontes: da rede de abastecimento público e da água da chuva reutilizada. Em 2009, o consumo de água reutilizada atingiu os 2,8% (0,8% em 2008), tendo sido utilizada, por exemplo, na rega de edifícios e estando também prevista a sua utilização no combate a incêndios.

A Sonae tem um compromisso público de diminuição da Pegada Ecológica, tendo colocado em marcha um plano de iniciativas de eco-eficiência para 2010 e para os anos seguintes. Este plano inclui a realização de acções para reduzir o consumo potencial de água nas lojas, escritórios e operações, bem o aproveitamento de águas pluviais e residuais. As áreas de negócio da Sonae têm também prevista a realização de acções de sensibilização junto dos seus clientes e fornecedores, desde particulares a empresas, de forma a reduzir ainda mais a Pegada Ecológica.

Miguel Rangel, Director de Relações Institucionais, Marca e Comunicação da Sonae, realça que “as poupanças ambientais e financeiras obtidas pela Sonae devem servir de inspiração para outras empresas implementarem medidas de eco-eficiência. O Dia Nacional da Água pode ser o ponto de partida para esse caminho”.

Fonte: http://www.greengoods.pt/index.php?option=com_content&view=article&id=152:medidas-de-eco-eficiencia-reforcadas-no-dia-nacional-da-agua&catid=6:noticias

Posted in Notícias | Com as etiquetas : , , , | Leave a Comment »

Gestão Optimizada da Água de Rega na C.M.Lisboa

Posted by eficienciahidrica em 2010/08/12

O Inverno de 2005, marcado pela reduzida precipitação, provocou uma maior consciencialização de todos relativamente ao problema, já existente, da gestão sustentável de um recurso natural tão precário como a água. Para a Câmara Municipal de Lisboa (CML) esta não é uma preocupação de agora. Desde 2002 que a CML, através da Divisão de Matas, está a desenvolver e a implementar o GOTAR, um sistema inovador de gestão racional da água de rega. Os Parques Recreativos do Alto da Serafina, do Alvito, Moinhos de Santana, Bela Vista-Sul, Quinta das Conchas (num total de cerca de 335.000 m2) são alguns dos locais onde já se encontra o GOTAR em funcionamento.

O software escolhido foi o ER-NT Network, desenvolvido em Portugal pela empresa EngiRega, baseado em tecnologias de desenvolvimento recentes e inovadoras e feito à medida das exigências especificas da Divisão. O GOTAR faz a monitorização dos parâmetros meteorológicos e da disponibilidade de água no solo. Os dados são depois cruzados com as necessidades hídricas das plantas o que permite definir a rega de cada espaço verde em tempo real.

Com o GOTAR a CML pretende atingir os seguintes objectivos:

  • Significativas poupanças de água (em média foi gasta metade da água que se gastava anteriormente);
  • Simplificação do controle da rega, que passa ser totalmente automática, seja nos grandes espaços verdes onde existem sistemas de controlo dedicados, seja nos mais pequenos em que um sistema central activa os programadores de rega por SMS;
  • Controlo de rupturas, que são automaticamente detectadas, reduzindo perdas de água e facilitando a organização dos trabalhos de manutenção;
  • Automatização de fontes com poupanças de água e energia;

Só no primeiro ano, o investimento feito foi recuperado só em poupança de água. Tomando como exemplo o Parque Recreativo do Alto da Serafina, em 2004 o consumo de água para rega foi estimado em 56,5% do total verificado em condições semelhantes, sem o GOTAR instalado. A poupança foi de 29.400 m3 de água correspondendo a uma poupança de €35.180.

Outra vertente do GOTAR é o aproveitamento dos recursos hídricos subterrâneos, nomeadamente nas zonas regadas do Parque Florestal de Monsanto. É neste sentido que a CML está a desenvolver um protocolo de colaboração com 3 institutos onde, entre outros objectivos, se pretende avaliar o potencial hidrogeológico das formações presentes no Parque Florestal de Monsanto, fazendo o seu aproveitamento para rega. A rega da zona sul do Parque da Belavista já é realizada exclusivamente com água de um poço, sem recorrer a água da rede da EPAL.

Outras áreas de actuação estão a ser desenvolvidas ao nível do município, nomeadamente na escolha pelos projectistas de plantas menos exigentes em termos de água, no aproveitamento de água residuais tratadas para rega e lavagens, etc., no sentido de contribuir para a gestão sustentável deste recurso tão escasso que é a água.

Fonte: http://lisboaverde.cm-lisboa.pt/index.php?id=4042

Posted in Notícias | Com as etiquetas : , , | 2 Comments »

Estádio Universitário de Coimbra aplica medidas que vão levar a uma Poupança de 37% nos Consumos de Água

Posted by eficienciahidrica em 2010/07/22

Projecto a um ano já começou a ser implementado e concilia intervenções técnicas com acções de sensibilização.
Está já a ser aplicado no Estádio Universitário de Coimbra um conjunto de medidas que permitirá que, no prazo de um ano, se atinja uma economia de 37% no consumo de água naquelas instalações. Em causa estão intervenções de promoção da eficiência hídrica – seja na aplicação de uma política de aquisição de material mais eficiente, seja na substituição de dispositivos existentes – e acções de sensibilização para práticas individuais do consumo.
Projecta-se que a poupança que será possível atingir se situe na ordem dos 4000 metros cúbicos de água por ano, o que equivalerá a uma poupança financeira de cerca de 21 000 Euros.
Algumas das medidas que estão a ser aplicadas, e que foram propostas após uma auditoria realizada pela Associação Nacional para a Qualidade nas Instalações Prediais (ANQIP), são de relativa simplicidade e baixo custo, como a aplicação de ponteiras economizadoras em torneiras existentes, a instalação de torneiras temporizadas, a regulação dos tempos de abertura dos temporizadores das torneiras e duches, a regulação dos volumes de descarga ou a aplicação de redutores de caudal.
Paralelamente às intervenções de cariz técnico, o Estádio Universitário irá levar a cabo uma campanha de sensibilização junto dos utentes e dos funcionários, dando conta de pequenas alterações nos comportamentos individuais que poderão resultar em diminuições importantes do consumo de água. Em causa estão medidas como a redução dos tempos de abertura das torneiras ou a comunicação de fugas e mau funcionamento dos dispositivos.
O Estádio Universitário de Coimbra acolhe actualmente a prática de 22 modalidades, com uma média diária na ordem dos 1400 utilizadores. Nos últimos quatro anos, tem uma média de consumos de água de 11 000 metros cúbicos por ano, resultando num encargo anual médio superior a 44 000 Euros. Em Portugal, as ineficiências totais no uso da água estimam-se em aproximadamente 0,64% do Produto Interno Bruto.

Posted in Notícias | Com as etiquetas : , , , | Leave a Comment »

Investigador português cria torneira que poupa Água

Posted by eficienciahidrica em 2010/07/10

Um investigador da Universidade de Aveiro (UA) criou uma torneira misturadora inovadora que vai permitir reduzir o desperdício de água em casa.

O dispositivo, que se encontra patenteado a nível internacional, permite reutilizar a água que é desperdiçada cada vez que abrimos a torneira da água quente e esperamos que ela aqueça.

“Em média, são três litros de água potável que correm diretamente para o esgoto, por cada utilização”, estima Vítor Costa, que desde 2007 tem vindo a trabalhar neste projeto.

Com este sistema, segundo o investigador, a torneira só fornece água quando ela já está quente, de acordo com a temperatura desejada.

Poupança de Centenas de Litros de Água

“A água fria, que se encontra na tubagem, entre a caldeira/esquentador e a torneira, é guardada num reservatório e entra novamente na rede, o que pode representar uma economia de centenas de litros de água no final do mês”, adiantou o docente na UA.

O sistema pode também ser usado em instalações antigas sem a necessidade de fazer grandes obras de construção. “Pode usar-se com uma torneira usual, mas é preciso acrescentar um componente hidráulico e um reservatório que vai acumular a água”, explicou.

Desenvolvido em conjunto com a Metalúrgica Luso-Italiana, uma empresa portuguesa que concentra a sua actividade no fabrico e comercialização de torneiras, este sistema misturador com função de poupança de água deverá chegar ao mercado ainda este ano.

Produto à venda “muito em breve”

“Temos alguns protótipos que funcionam e, neste momento, estamos na fase de fazer as últimas afinações”, referiu Vítor Costa, que prevê que o produto possa estar à venda “muito em breve”.

De acordo com o investigador, a perspetiva de comercialização e conquista de mercado por um produto deste género é “muito grande”.

Vítor Costa diz que o sistema será “mais caro” do que uma torneira convencional, mas não tem dúvidas de que a diferença de preços irá compensar a médio/longo prazo, em termos da poupança da água.

O investigador sublinha ainda que a escolha deste produto pode ser importante para obter uma boa classificação energética dos edifícios, acrescentando que o sistema não usa qualquer fonte adicional de energia.

Fonte: http://aeiou.expresso.pt/investigador-portugues-cria-torneira-que-poupa-agua=f592993

Posted in Notícias | Com as etiquetas : , , , | Leave a Comment »

Sabia que…???

Posted by eficienciahidrica em 2010/07/06

… lavar os dentes ou barbear-se com a Água a correr implica gastar 10 a 30 litros de Água???


Posted in Sabia que...??? | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Jardim Botânico de Coimbra adoptou sistema de rega inteligente para poupar Água

Posted by eficienciahidrica em 2010/07/01

O Jardim Botânico de Coimbra tornou-se autónomo em água, ao introduzir um sistema de rega inteligente, que permitirá uma poupança de 30% nos custos de manutenção.

Em funcionamento desde o final do mês de Setembro de 2009, o sistema de automatização de rega utiliza a água da mina do jardim e recorre a sensores para uma boa gestão e distribuição da água. Até então, toda a parte pública do jardim era alimentada com água da rede pública.

“Gastávamos com água 30 mil euros por ano, ou seja, um quarto do orçamento. Com esta solução deixamos de ter gastos com água”, disse a directora do Jardim, Helena Freitas.

“Fizemos um furo junto à mina, ao qual podemos recorrer em alturas de maior necessidade”, disse a responsável, referindo que a bombagem da água é feita directamente da mina para o jardim.

Sendo a água um elemento estruturante dos jardins, apostar em soluções tecnológicas sustentáveis “é absolutamente estratégico, particularmente nos jardins públicos, porque têm uma responsabilidade acrescida em matéria de sustentabilidade, devendo ser exemplares nas boas práticas”, considera Helena Freitas.

O novo sistema de rega resulta de um projecto desenvolvido em 2009 por uma equipa multidisciplinar, no âmbito de um mecanismo financeiro da União Europeia – EAA GRANT.

Integra-se num projecto mais vasto, submetido ao programa Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN), para a sustentabilidade energética do espaço, com recurso à biomassa que será produzida na mata do jardim.

“Os gastos com a água e a energia representavam metade do orçamento do Jardim e o objectivo é aproveitarmos a biomassa para produzirmos energia para o aquecimento das estufas, numa lógica de optimizar recursos e maximizar a eficiência energética”, disse a directora.

O projecto irá implicar “uma transformação profunda no conjunto de estufas e o reforço e modernização das infra-estruturas hidráulicas”.

Espera que a solução encontrada para o Jardim Botânico “seja exemplo de boas práticas” para outros espaços públicos. “Portugal é dos países da Europa que mais desperdiça água na rega – mais de 60 por cento – quer para práticas agrícolas quer no meio urbano”, alertou a bióloga. Helena Freitas lamentou que os portugueses “estejam habituados a ter água sempre disponível e como um recurso abundante, negligenciando a sua gestão”.

Fonte: http://ecosfera.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1405815

Posted in Notícias | Com as etiquetas : , , | Leave a Comment »

Acorde antes que Seja Tarde Demais…

Posted by eficienciahidrica em 2010/06/02

Posted in Vídeos | Com as etiquetas : | Leave a Comment »

Poupança…

Posted by eficienciahidrica em 2010/05/05

Projecto levado a cabo no Brasil…

Parece ajudar… pelo menos na Poupança de Água!!!

Posted in Para descontrair..., Vídeos | Com as etiquetas : , | 1 Comment »

Curso “Uso Eficiente da Água”

Posted by eficienciahidrica em 2010/04/27

Quer saber como é que poderá Poupar Água em sua Casa???

Quer tirar um “Curso” sobre o Tema???

Quer Ser Um Cidadão (se já não o é) que faz um “Uso Eficiente da Água”???

Ora aqui está a oportunidade que lhe permitirá ser EFICIENTE…!!! 

Veja os links:

http://www.cm-funchal.pt/usoeficienteagua/

ou

http://www.cm-pombal.pt/seu_municipio/ambiente/prom_ambiental/player2.html

 

Posted in Eventos, Notícias | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

 
%d bloggers like this: