Eficiência Hídrica em Edifícios e Espaços Públicos…

… O Caminho para a Gestão Sustentável da Água!!!

Grandes empresas reduzem consumos de água e poupam na factura

Posted by eficienciahidrica em 2012/03/23

A eco-eficiência já faz parte da gestão diária de muitas empresas em Portugal. No dia em que se comemora o Dia Mundial da Água, o Diário Económico contactou algumas empresas para avaliar os resultados obtidos com esta política ambienta. Os grupo Sonae, EDP e Portucel Soporcel mostram que a aposta na eco-eficiência começa a gerar poupanças anuais significativas no consumo de água e na factura paga.

A Sonae Sierra, participada do grupo Sonae para a área dos centros comerciais, já reduziu o consumo de água nos seus centros comerciais em 12% desde 2003, o que corresponde a uma diminuição de 4,2 para 3,7 litros por pessoa. “As medidas de eco-eficiência introduzidas ao longo dos anos permitiram uma poupança de 212 milhões de litros de água e uma redução na factura a pagar na ordem dos 815 mil euros”, revelou a Sandra Dias, directora de ambiente, segurança e saúde da Sonae Sierra. A gestora frisa que só no ano passado, o volume de água poupado “ultrapassou os 68 milhões de litros, uma redução no consumo de 7%”, e acrescenta que ambiciona até 2020 diminuir “pelo menos 10% do total da água consumida nos centros comerciais, seja por águas reutilizadas/recicladas ou águas pluviais captadas”. Outra meta é “atingir um nível de consumo de água igual ou inferior a três litros por visita no conjunto dos seus centros comerciais”, diz Sandra Dias.

Ainda no grupo Sonae, a área da distribuição as medidas adoptadas, em 2010, “permitiram poupar 5,3% no consumo de água, por cada milhão de euros gerado, tendo o consumo de água por volume de negócios sido de 380 metros cúbicos (m3) por milhão de euros”, disse fonte do grupo. “O consumo total de água nos hiper e supermercados Continente foi de 757.734 m3 em 2010, uma redução de 3% relativamente ao ano anterior”. Para estes números muito tem contribuído “o reforço da monitorização, a continuada implementação de medidas e o controlo dos desperdícios “, diz a mesmo fonte da empresa.

Já o grupo Portucel Soporcel, no âmbito dos projectos de redução da utilização de água no processo produtivo, conseguiu um decréscimo do consumo por unidade de produto de cerca de 15%. Isso apesar de nos últimos cinco anos o grupo ter aumentado “em cerca de 23% a sua produção de pasta de papel”, sublinha fonte da empresa, ressalvando que se o horizonte temporal for de dez anos, “a redução obtida aumenta para 40%”. De destacar que na empresa “todas as áreas do processo produtivo têm rigorosos sistemas de controlo e monitorização de modo a garantir os objectivos de diminuição do consumo e minimização de perdas de água”, diz a fonte oficial.

Também a EDP desenvolve a sua actividade com a preocupação de poupar o mais possível este recurso. Fonte oficial da empresa revela que “em Portugal, a maioria das instalações de produção é certificada pelo EMAS, uma ferramenta de eco-gestão e auditoria que permite avaliar, relatar e melhorar o desempenho ambiental”. Além disso, a eléctrica faz a reutilização de água de lavagens de filtros, “que permite uma poupança de nove m3 por dia, e que por ano, pode gerar uma poupança até de 3.300 m3”. Implementou “um novo procedimento de operação na caldeira auxiliar da Central Térmica de Lares, com a correcção dos ‘set-points’ de ‘stand-by’, reduzindo o consumo de água desmineralizada, o consumo de produtos químicos para o condicionamento e de energia”. Segundo a empresa, “esta medida pode gerar uma poupança de quatro m3 por hora, e por ano, uma poupança até 22.000 m3”. Na Central Térmica de Sines, o sistema de dessulfuração instalado, que contempla o reaproveitamento do efluente químico tratado, permite, “aproveitar cerca de 22.000 m3”.

Medidas implementadas
A Sonae Sierra instalou nos seus centros comerciais, torneiras com sensores e redutores de consumo, urinóis sem necessidade de descarga de água, sistemas de recuperação de água, e contadores parciais ligados à gestão centralizada. Instalou ainda alarmes de fugas de água, e faz auditorias periódicas aos consumos de água. Tem ainda preocupações ambientais nos projectos paisagísticos dos centros e promove a eficiência da água em obras de renovação e nas tarefas de limpeza. Já o grupo Portucel Soporcel implementou um sistema de fecho de circuitos de utilização de água e faz a recirculação e reciclagem de águas no processo produtivo. De frisar que a EDP desenvolve o programa Econnosco nos seus edifícios, tendo reduzido entre 2006 e 2011, 11% o consumo de água.

Fonte: http://economico.sapo.pt/noticias/grandes-empresas-reduzem-consumos-de-agua-e-poupam-na-factura_140854.html#

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: