Eficiência Hídrica em Edifícios e Espaços Públicos…

… O Caminho para a Gestão Sustentável da Água!!!

Archive for Março, 2011

Ecoágua aposta em Reciclagem de Águas Cinzentas

Posted by eficienciahidrica em 2011/03/31

Chama-se AquaCycle e é um sistema de reciclagem de águas cinzentas, que faz parte da carteira de soluções da empresa Ecoágua. E, segundo o responsável, Vítor Simões, as perspectivas mundiais no que toca à escassez do recurso fazem com que estes sistemas sejam uma aposta cada vez mais forte: “Metade da população mundial irá ter falta de água em 2025, sendo que falta de água significa, obviamente, desaceleração do crescimento”, sublinhou o gestor, no âmbito do workshop “Água Renovável – Prosperidade Renovável” que decorreu no dia 17 de Março, em Lisboa.

A tecnologia já é bastante utilizada em mercados como Espanha ou Alemanha, e consiste no aproveitamento e recuperação das águas provenientes dos banhos e dos lavatórios. A redução do consumo pode ir até aos 50 litros diários por pessoa, segundo as contas da empresa. Os usos possíveis são as descargas sanitáeias, limpeza e rega.

O sistema funciona da seguinte forma: na fase de pré-filtração é removido algum do material orgânico (cabelos, sólidos, etc), passando-se depis para a fase do pré tratamento biológico, na qual os microorganismos diminuem o volume de resíduos na água. É também feita a aeracção periódica de todo o processo e passa-se à fase da sedimentação, sendo a água depois bombada para o segundo tanque.

Na fase de tratamento biológico, o processo anterior é repetido, passando-se posteriormente para a desinfecção por UV, onde são desactivadas bactérias e vírus, através da radiação com lâmpada UV.

A empresa tem já 1200 sistemas instalados, sendo que os principais clientes são empresas e o sector da hotelaria. Em Portugal, uma das soluções está instalada no hotel Yeatman, no Porto. Para além da reciclagem de águas cinzentas, são também aproveitadas as águas pluviais e subterrâneas. O destino final, neste caso, são as descargas sanitárias.

Fonte: http://www.ambienteonline.pt/noticias/detalhes.php?id=10507

Posted in Notícias | Leave a Comment »

Sabem-na toda…

Posted by eficienciahidrica em 2011/03/31

Posted in Vídeos | Leave a Comment »

Também nós…

Posted by eficienciahidrica em 2011/03/31

Posted in Cartoon da Semana | Leave a Comment »

WaterFactory BathRoom System

Posted by eficienciahidrica em 2011/03/31

Waterfactory bathroom system propõe produzir a nossa própria água a partir da humidade nas nossas casas-de-banho.

Um lavatório, uma sanita e uma banheira, incorporam um sistema electrificado que recolhe e filtra o ar, depois condensa-o, e depois deste se transformar em água, filtra-o novamente (por ultra-violetas e microfiltração) para nos dar a água mais pura, numa casa-de-banho auto-sustentável.

Para saber mais visite o site: www.joaogoncalves.me.

Fonte: http://pelanatureza.pt/ecoprodutos/noticias/waterfactory-bathroom-system-38343834

Posted in Notícias | Leave a Comment »

Ping Ping Ping

Posted by eficienciahidrica em 2011/03/30

Posted in Vídeos | Leave a Comment »

Município de Coruche promove Eficiência Hídrica em Parceria com as Águas do Ribatejo

Posted by eficienciahidrica em 2011/03/29

A acção inserida num plano de redução de consumos de água e energia em todos os edifícios e espaços públicos do domínio municipal contou com o apoio da Associação Nacional para a Conservação da Natureza (QUERCUS) na componente hídrica e da Agência Municipal de Energia de Sintra (AMES) na área energética.

A Engª Filipa Alves da QUERCUS, abordou as questões ligadas à eficiência hídrica e deixou um conjunto e sugestões que podem contribuir para reduzir de forma significativa os consumos de água no domínio de actuação do Município.

O vice-presidente da câmara Francisco Oliveira sensibilizou os colaboradores para a necessidade de realizar um esforço conjunto de modo a que os planos traçados possam ser eficazes. O autarca deu como exemplo o investimento que está a ser feito para que as águas das piscinas municipais possam ser aproveitadas para regas de espaços públicos, abastecimentos de carros de bombeiros e de cisternas para lavagens de pavimentos, permitindo poupar água e reduzir o volume de água residual sujeita a tratamento na ETAR.

A substituição de torneiras, autoclismos e outros equipamentos com fugas de água por sistemas modernos e mais eficientes, e o aproveitamento das águas da chuva para regas e lavagens, são apenas algumas das medidas a adoptar para um uso mais eficiente da água. Neste momento já é possível controlar os volumes de água consumidos em quase todos os espaços públicos, permitindo desta forma monitorizar os consumos e corrigir anomalias.

Na área da energia, o objectivo também passa pela redução dos consumos em nome do ambiente e da economia. O Arquitecto Pedro Ramos da Agência Municipal de Energia de Sintra deixou um conjunto de boas práticas que ajudam a reduzir de forma significativa os consumos nos serviços municipais e noutros espaços públicos. Em causa está, entre outros aspectos, uma optimização do uso  dos equipamentos, uma climatização eficaz dos edifícios e uma melhor utilização dos transportes. Pedro Ramos referiu que é preciso adoptarmos comportamentos de poupança como fazemos nas nossa casas “porque o dinheiro dos municípios e do Estado é o nosso dinheiro” e o ambiente também agradece a redução dos consumos de energia.

Fonte: http://www.aguasdoribatejo.com/artigo.aspx?lang=pt&id_object=1047&name=MUNICIPIO-DE-CORUCHE-PROMOVE-EFICIENCIA-HIDRICA-EM-PARCERIA-COM-A-AGUAS-DO-RIBATEJO-

Posted in Notícias | Leave a Comment »

Sabia que…???

Posted by eficienciahidrica em 2011/03/29

… a ONU considera a Água um Direito Humano?

Posted in Sabia que...??? | Leave a Comment »

Para as crianças que não gostam de vegetais… :)

Posted by eficienciahidrica em 2011/03/28

Posted in Vídeos | Leave a Comment »

Jardim Botânico poupa 25 mil euros em Água por ano

Posted by eficienciahidrica em 2011/03/28

As intervenções realizadas no Jardim Botânico no âmbito do projecto de restauro dos antigos sistemas hidráulicos e aproveitamento de água em 12 jardins históricos nacionais, financiado pelo programa europeu EEA Grants, permitiram poupar os cerca de 25 mil euros que eram gastos anualmente em consumo de água da rede pública e que significavam um terço do orçamento do jardim. Isso mesmo lembraram, ontem, Helena Freitas e a arquitecta paisagista Cristina Castel-Branco, na apresentação do livro “A Água nos Jardins Portugueses”.

A obra documenta o antes, o durante e o depois das intervenções realizadas nos 12 jardins, sublinhando as vertentes patrimonial e ecológica de um projecto liderado pela Associação Portuguesa de Jardins Históricos. Dirigido por Cristina Castel-Branco, o livro foi apresentado pela professora universitária Helena Freitas, vice-reitora da Universidade de Coimbra, numa sessão em que esteve presente a embaixadora da Noruega, Inga Magistad, no Hotel da Quinta das Lágrimas.

«Um dos elementos mais importantes nestes jardins históricos é a água» e num século que se vai debater com uma enorme escassez de água, é muito importante estudar e recuperar «os antigos sistemas locais e autónomos de água que tinham estes jardins quando não existia abastecimento de água de rede», explicou ao Diário de Coimbra Cristina Castel-Branco, responsável pela coordenação do livro.
E se, no Jardim Botânico, a poupança conseguida com a recuperação de uma cisterna e de outros sistemas hidráulicos para rega, fontes, etc., permite aplicar os 25 mil euros anuais em outros projectos, já noutros jardins intervencionados permitiu embelezar espaços, recuperar outros e abri-los ao público. Na Quinta das Lágrimas, exemplificou a arquitecta paisagista, a água da Fonte das Lágrimas é usada para encher o grande lago do anfiteatro Colina de Camões e alimenta o sistema de rega dos relvados, naquele que é hoje o palco do anual Festival das Artes.

Aprender com os antigos
A água já estava nos 12 jardins reabilitados, «simplesmente foi devolvida à terra. Os jardins vão durar mais graças a este projecto» e o livro agora apresentado vai «perpetuar a intervenção realizada e motivar outras», referiu Cristina Castel-Branco, que agradeceu à embaixadora da Noruega, aos 40 autores do livro, aos proprietários dos jardins e às muitas pessoas que trabalharam na sua recuperação.
Inga Magistad manifestou «orgulho» pelo seu país poder patrocinar este projecto de recuperação de estruturas hidráulicas, devolvendo «o equilíbrio ecológico a jardins históricos portugueses».

No que se refere à gestão destes e de outros espaços verdes urbanos, Helena Freitas sublinhou, além da questão financeira e ecológica dos gastos de água, preocupações com a biodiversidade, sugerindo que se deixe de «abusar» dos campos relvados e que se aposte mais «naquilo que a natureza nos oferece de forma mais rentável e equilibrada», em respeito pela arquitectura e história dos espaços.

Um milhão de euros para devolver beleza e poupar Água
Este projecto de recuperação de estruturas hidráulicas, muros e caminhos, em jardins históricos, foi submetido pela Associação Portuguesa de Jardins Históricos – uma organização não governamental que preserva «um património tão pouco conhecido como pouco defendido, desde logo por legislação», diz Cristina Castel-Branco, que foi uma das suas fundadoras – a um apoio do EEA Grants do Mecanismo Financeiro do Espaço Económico Europeu, programa financiado essencialmente pela Noruega.

A aprovação da candidatura, em 2007, resultou num investimento global de um milhão e 84 mil euros, sendo a grande fatia (75 %) para restauro de sistemas hidráulicos, muros e pavimentos e o restante dividido por estudos, projectos de arquitectura paisagística e rega, despesas de gestão e administrativas, etc.

Fonte: http://www.diariocoimbra.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=11982&Itemid=135

Posted in Notícias | Leave a Comment »

Frase da Semana

Posted by eficienciahidrica em 2011/03/28

“Jamais se desespere em meio as sombrias aflições de sua vida, pois das nuvens mais negras cai água límpida e fecunda”.


Posted in Frase da Semana | Leave a Comment »

Adultos e Crianças Aprendem a Poupar Água

Posted by eficienciahidrica em 2011/03/25

Posted in Vídeos | Leave a Comment »

Quercus e Águas de Coimbra ensinam famílias a reduzir consumo de água

Posted by eficienciahidrica em 2011/03/24

Estão neste momento a decorrer as visitas às dez famílias de Coimbra que participam no programa EcoFamílias-Água, dinamizado pelo projecto Ecocasa da Quercus e pela empresa Águas de Coimbra. Em pleno Dia Mundial da Água, que se comemora hoje, dia 22 de Março, o objectivo desta parceria sai reforçado: sensibilizar os cidadãos para uma maior eficiência na utilização deste recurso escasso.

Numa primeira fase, as várias famílias, que habitam a zona residencial da Quinta da Portela, em Coimbra, respondem a um questionário sobre os seus hábitos de consumo doméstico de água. Neste condomínio, estão instalados equipamentos de medição para monitorizar os consumos ao minuto. Esses dados podem ser consultados pelas famílias em tempo real através de uma página na Internet.

Em Maio, cada agregado receberá dispositivos de poupança de água (redutores de caudal) para instalação na torneira mais utilizada de uma das casas de banho e ainda no chuveiro. Seguir-se-á um novo período de monitorização entre Maio e Julho, no sentido de aferir as reduções potenciadas por esses dispositivos.

Esta iniciativa de educação ambiental ganha ainda mais relevância analisando o contexto nacional, numa altura em que tem sido muito debatido o elevado consumo de água no nosso país face às suas necessidades reais. Coloca-se assim o desafio de aproximar o consumidor de uma gestão mais sustentável deste recurso, através de uma acção combinada com as entidades distribuidoras de água, no sentido de combater situações de escassez cada vez mais frequentes em épocas de seca.


Fonte: http://www.quercus.pt/scid/webquercus/defaultArticleViewOne.asp?categoryID=567&articleID=3452

Posted in Notícias | Leave a Comment »

 
%d bloggers like this: